terça-feira, 31 de maio de 2011

Eu e minha casa serviremos a Deus - Pr. André Valadão (prometo que é a última de hj)

Eu escolho Te louvar - Pra Mariana Valadão

Tão Lindo - Pr. André Valadão e Pra Mariana Valadão

País da Adoração - Pr. André Valadão

Pela Fé - Pr. André Valadão

Até Quandro - Pr. André Valadão

Testemunho Joana Prado

Esse testemunho tem tempo mais vale a pena ver


Deus cuida de mim - Pr. Felippe Valadão

segunda-feira, 30 de maio de 2011

O que é ser mãe ?

Muito se fala sobre o que é ser mãe e hoje venho com minha opinião e alguns questionamentos, sobre esse assunto polêmico. Quero dizer que não sou a melhor mãe do mundo nem quero ser, minha vontade é mostrar exemplos e não julgar essa ou aquela mulher.
Vamos aos fatos.


Adriane Galisteu foi mãe recentemente o filho dela tem mais ou menos 8 meses, ela queria muito ser mãe, a natureza estava gritando pois já tinha 36 anos e nada, foi para Portugal fez promessa para a santa de sua devoção(respeito todas as religiões e as pessoas, estou colocando a santa pois não sei o nome dela e estou sem vontade de ir no google agora), mais ela fez a tal promessa e foi atendida, o menino nasceu lindo e estão felizes.
Mais essa mulher fez uma que eu achei horrível, viajou ela, o marido e a mãe dela para comemorar o último aniversário dela fora do país sem o filho, que é um bebê, tá certo que ficou com os sogros (sogros esses que tem uma cara de gente chata e metida, no fim das contas ficou foi com a babá) e a babá, eu sei que ela é rica e pode contratar um batalhão de babás mais deixar o filho e viajar é difícil pra entender e não foi a primeira vez não, quando ele estava mais novinho ainda, menos de 4 meses ou por volta disso ela já tinha viajado com o marido e deixou o filho com a mãe.
Gente pra que ter filho se vai deixar a criança para viajar, se fosse viagem a trabalho podia dar um desconto, se quer continuar viajando e ter uma vida livre, ter filho não é a opção, ela tem como levar o menino e umas cinco babás para ajudar, ela gosta de viajar e levar a tropa dela toda e deixa o filho pra trás, quem segue revistas de fofoca( eu vejo sites de celebridades sim confesso) vê que ela leva a mãe, o assessor, a empregada, o primo do assessor, o cachorro, o piriquito, o gato, etc, etc, etc. E quem ela deveria mover mundos e fundo como diria a minha mãe ela não leva. Ser mãe de capa de revista é fácil, mostrar o quarto do filho para a Caras e falar que ele tem um quarto na casa de São Paulo, um quarto na cobertura do Rio, um quarto na casa de sei lá de quem e blá, blá, blá é lindo, mais criança não precisa de somente quartos, será que essa criança vai ser educada por ela ou pelas babás e escolas, é fundamental a criança ter uma vida material confortável como ela esta dando, mais carinho e atenção são prioridades. Sem contar a exposição dele nas revistas que não vou nem comentar. 


 Ana Furtado, primeiro analisem essa foto, olha a cara dela em uma festinha infantil, pela cara ela queria estar bem longe dali, ela já declarou que trabalha muito e tem 3 babás, uma para durante a semana, e 2 para revezarem no fim de semana.
Quando essa mulher fica com a filha? Nunca ou só as vezes de tempos em tempos para ir em festas e tirar fotos para a revista Contigo, primeiro ela trabalha muito, a filha tem 3 babás, tenho pena de uma criança dessa, ela se apega mais as babás que a mãe. 
Será que ela já ouviu falar que criança precisa de mãe presente. Esse tipo de pessoa supri a criança com brinquedos e mais brinquedos para ela não ter tempo de sentir falta da mãe, essa menina deve ter um quarto de brinquedos maior que a minha casa.

Voltando um pouco para o mundo real.

Minha irmã me levava sempre com o namorado dela para Santa Luzia para visitármos o meu pai, a Mimi ia tb  é claro, e um dia quando fomos visitar a vizinha surgiu o assunto de ter ou não filhos, essa vizinha que tem quase 70 anos e teve 8 (OITO) filhos falou que todas nós éramos erradas eu, as 2 filhas dela que tinha filhos e ela que a certa era minha irmã que não teve filhos e que não era para arrumar, fomos embora chocadas e minha irmã falou comigo que eu não pensava assim, graças a Deus né.

Uma vez passei perto de uma favela perto de casa e tinha uma mulher com um bebê pequenininho deitado dormindo entre as pernas dela, ela estava sentada no meio fio na rua praticamente, passava ônibus e jogava poeira na criança, aquela fumaça preta tb, nunca esqueci da cena, minha tia torta a amiga da minha mãe me viu olhando e falou que era assim que cuidava de criança, sem frescura que vive. Meu Deus, se a pessoa quer ficar na rua sentada pra que a criatura vai ter filho, qualquer posto de saúde aqui em BH da pílula anticoncepcional grátis e só passar no gineco que é o mais fácil de marcar e pronto, coitada dessa criança passar por isso. 
As vezes vou atrás da minha mãe nos butecos e vejo mulheres com crianças dormindo no colo delas no bar, se a pessoa quer ficar no buteco atrás de cerveja e beber até cair vai fundo, mais coitada da criança gente, leva a criança pra dormir dignamente, vai cuidar do seu filho.

Conheço três mulheres que quero fazer um tópico delas:

A primeira sai do trabalho as seis da tarde, tem a bolsa lotada de roupas para não precisar de voltar pra casa pois o filho não vai deixar ela sair se ela chegar, então do trabalho ela já sai, ela sai todos os dias e chega em casa só de madrugada e sai de manhã cedo para ir trabalhar, quando ela fica com o filho?;
A segunda trabalha a noite e já arruma por telefone quem fique com o filho, pegue ele na Van da escola e fique com ele, dorme a tarde na "casa" do namorado e depois vai trabalhar sendo que passou o final de semana longe da criança;
A terceira tem 2 filhos que um mora com ela e aos 10 anos tem que se virar sozinho pois ela prefere ficar com o "namorado", o segundo tem por volta de 2 ou 3 anos e mora com a avó e quando ele fica com ela, a criança é espancada por dar muito trabalho.

Nem vou comentar.
__________________________________________________                                                                  










Falando de mim como mãe agora.

Minha mãe fala que não dou banho na Iasmim para ela ir na escola que é ela que tem que dar, UAI, ela esta em casa sem trabalhar e sabe que chego pra levá-la pra escola na hora que tenho que voltar, ela fala que não dou comida pra menina no final de semana que só dou porcaria, UAI 2, não alimento minha filha direito não?  Como assim ela não passa final de semana com agente para ela saber, ai ai. Minha tia me critica que ando de ônibus com a Mimi e o ônibus tem muitas bactérias, que não posso levá-la na igreja que as pessoas vão passar vírus pra ela, que não posso trabalhar pois não posso deixar ela sozinha, que tenho q dar aula particular em casa (q não da dinheiro nenhum diga-se de passagem) e pedir ajuda do governo, entre outras loucuras. ahaaaaaaaammmmmmmmmmm ????? 
Posso ser uma mãe que erra, mais quem não erra? 
Dormir somente 2 noites longe da Iasmim quando fui para o revisão de vidas da igreja, carrego ela para todos os lugares que eu vou, uma vez a diretora da Escola de Vencedores falou pra ela que ela nem precisaria fazer quando ela crescesse, comprei muitos biscoitos e sucos pra ela ficar distraida na hora da aula, quando fui monitora da esc. de vencedores ela veio comigo tb, vai no Arena todos os sábados comigo, todos  os lugares que vou ela esta junto, ela só não esta indo no culto do domingo comigo para economizar. 
Posso ser uma mãe relapsa mais carrego ela para onde vou e se o lugar não é pra ela prefiro não ir.
Nem vou comentar a diferença da minha criação com a criação da Mimi, pois ela lê o blog de vez em quando e pode contar pra minha mãe e prefiro evitar a fadiga rsrsrrsr. Mas presença é fundamental na vida da criança e a Iasmim esta tendo presença de mãe sim, posso ter errado na escolha do pai, na hora que ela veio pq poderia ter escolhido ter filhos mais velha, pois poderia dar uma vida melhor pra ela, posso ter errado, mais procuro estar nas reuniões, nas festas da escola, nas quadrilhas, etc. 


Agora uma mãe famosa que eu admiro é a Cláudia Leitte, ela leva o Davi para onde vai, o menino ficou doente quando era pequeno pq ela levou ele em uma viagem e ela não desgrudou dele. Ela carrega a mãe, a babá e companhia limitada  com ela para não ficar longe do filho. Quando não leva ele, ela volta correndo pra casa. Tem muitos relatos de coisas que ela faz que demonstra que mesmo ela sendo famosa ela não deixa de ser mãe. Ela é um exemplo.

Na minha humilde opinião acho que presença é fundamental para aumentar o vínculo com a criança, não quero dizer que vc não pode ser famosa, pode, mais depois que vc tem um filho a prioridade absoluta é dele, não quero dizer que vc tem que excluir o marido, não, vc tem que incluir o marido nisso tudo, mais se vc é mãe a prioridade é seu filho e o resto fica para depois. 

Nossa esse post ficou enormeee 

Preparação para um ótimo futuro



Na Palavra de Deus diz que: "o choro pode durar uma noite mais a alegria vem pela manhã"(Salmo 30.5b)

Deus esta preparando meu coração para o melhor dEle, tem acontecido fatos ultimamente comigo que me faz acreditar nisso, eu escrevi aqui sobre o rapaz da igreja que eu gostava e esqueci dele com o tempo, semana passada eu indo almoçar vi meu ex namorado de adolescência do outro lado da rua e não quis correr eu virei o pescoço para arrumar o cabelo e o vi. Antigamente tanto eu quanto ele olhávamos para trás para ver se estávamos olhando, na época eu não conhecia Jesus e vivi uma história de amor linda com ele, estavamos sempre juntos, dormiamos juntos sempre que dava(e dava sempre kkk), íamos para bailes funks juntos, tive várias experiências "maritais" legais e que me fizeram até aquele momento ser uma mulher realizada, entre idas, vindas e ficadas durou bastante quase 3 anos e quando terminou ficamos evitando um ir no bairro do outro, sendo que nossos bairros são colados, hj tenho que passar na porta da casa dele umas 4 vezes por dia, para ir para o trabalho, almoçar, voltar do almoço, ir embora e as vezes eu o vejo, mais como tivemos várias idas e vindas rolava um certo medo de encontrá-lo, quando descobri que ia trabalhar lá (a empresa era em outro endereço mais perto da minha casa) tive um pouco de medo e hj digo que o esqueci totalmente, tem aquele carinho que dá quando lembro do passado e vejo que dentro do possível fui feliz, ele FOI, muito especial, também tem o fato que Deus usou isso (a ida para a empresa) para as pessoas verem o quanto estou restaurada, pois aprontei muito neste bairro, como já disse eu fui muito namoradeira na adolescência, e hoje passo normalmente e não me dá medo de passar mais lá, todos esses acontecimentos me fazem analisar que Deus quer meu coração e minha mente restaurada e limpa para quando o amor verdadeiro chegar. 

Não sei se é a idade mais estou serena e calma claro que as vezes me desespera o fato de ter quase 30 e não estar casada ainda, mas Deus me mostra que é legal ser solteira e tem coisas que faço que não poderia fazer se fosse casada, como voltar da igreja muito tarde pq estou conversando com os amigos sei que vou poder fazer mais de uma forma diferente, conheço mulheres que se casaram com 32 anos e vive muito bem com o marido e tem um ótimo relacionamento íntimo com a pessoa (meu maior medo).

Deus tem o melhor pra mim.





Culpa que as mães sentem e TPM tudo junto e misturado



Hoje minha vida esta um verdadeiro inverno, acordei com um sensação estranha e com vontade de chorar, chorar e chorar, esse mês minha amiga a TPM atacou poucos dias mais foram intensos, as vezes olho para minha filha e me acho uma péssima mãe por ter arrumado um doador masculino (o pai dela) asmático e ela ter esse problema tb, estava na fila para pegar dindin para comprar remédio pra ela e me senti tão culpada por ter deixado o remédio de asma dela faltar no horário das 6 da manhã sendo que eu fiz as contas e dava e aí não deu, estou tão triste hj e não sou assim, minha segunda melhor amiga (as regras femininas se é q vcs me entendem ) chegou pra melhorar um pouco, mais a coisa esta feia para o meu lado, estou azeda, chata e sem humor, cheguei no trabalho e dei um bom dia seco para meus colegas, fiquei com uma raiva da filha do patrão que usou o computador no sábado e deixou cair suco de uva na mesa onde fica o teclado retrátil e deixou o pacote gigante de salgadinho no chão, aí ... e aqui na sala tem lixeira a menos de 15 passos do computador, não vou falar o que estou sentindo sobre isso, vai que alguém daqui lê o blog, mais acho q educação é fundamental, limpei o teclado mais deixei a sala do jeito que estava, a mesa da minha colega esta que é a pura desorganização preciso ser duas pra trabalhar lá embaixo organizando e aqui em cima tb, vou deixar aqui do jeito que esta, estou com vontade de sair correndo, gritando, descabelada e nunca mais voltar, não só aqui, mais no geral mesmo.
Estou precisando de um marido urgenteeeeee, Deus não é mais ansiedade é necessidades fisiológicas de uma mulher de Deus de quase 30 que não quer viver longe do Senhor, eu poderia ter ou fazer sem estar casada nada me impede, mais o meu amor por Jesus me faz esperar, vou começar a ir em campanhas de igrejas, terapia do amor da universal, campanha do amor no Templo dos anjos, culto da vitória na Getsêmani, e outras correntes em outras igrejas, é só uma fase que dá alguns dias do mês esta vontade toda mais quando bate é duro. Não quero casar só pra isso, quero casar para ter uma família mais resolveria mais de 99,5 % dos meus problemas se eu fosse casada.
Agora alguém lá embaixo esta escutando Pa Ta Ti, Pa Ta Tá, as vezes ser homem é mais fácil que ser mulher.

domingo, 29 de maio de 2011

Ainda sobre madrastas

Continuo procurando dentro do meu dia a dia mulheres normais que são madrastas e gostam dos enteados assim como eu falei no post abaixo, não encontrei ainda nenhuma, mais "fuçando" na net e no google (eu amo tanto o google q um dia vou fazer um post em homenagem a ele) vi que a mulher do Mário Frias convive muito bem com o Miguel filho do Mário com a Nívea Stelmann.

Separei algumas fotos:


Comemoração do aniversário do Miguel
                                     


Tb um fofo desses como não gostar do Miguel

Mario, Juliana e Miguel irão viajar para os EUA para comprar o enxoval do BB 

Vou continuar procurando uma madrasta boa em nosso dia a dia.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Madrastas más ou mulheres frustradas com maridos toscos ???? Eis a questão





Diz o dicionário que:
Madrasta 
s. f.
1. Mulher casada, em relação aos filhos que seu marido teve, de núpcias anteriores.
2. Fig. Mãe que maltrata os filhos. adj. f.
3. Descaroável, ingrata, cruel.

Muito do que são essas mulheres se deve ao tratamento que seus maridos lhe dão. Não sou o jack, mais vamos por partes:

Anna Jatobá: queria muito falar dela um post só sobre mulher frustrada mais eu queria muito falar de madrasta, ela era uma mulher que deu encima de um homem comprometido, galinha que não podia ver mulher na frente dele e que tinha uma filha recém-nascida, atentou o homem até conseguir fisgá - lo depois "arrumou" filho com ele e teve que abandonar a faculdade várias vezes pra cuidar da criança e ainda teve outro filho, não cuidava da casa que ficava toda mau organizada com roupas espalhadas, e era ciumenta possessiva a ponto de tirar a enteada com sono do colo do marido para ela sentar, o cúmulo do absurdo, ela fala q Alexandre foi seu único homem e precisava dele pra ser feliz, mais isso não dava o direito pra ela de tirar a própria filha do cara do colo dele, ela estava desequilibrada, ela vivia infeliz e frustrada por ter um marido banana que não lhe dava atenção suficiente e sabia que a mãe da menina tinha estudado, formado, trabalhava em um banco e ganhava dinheiro, tinha carro e um namorado muito mais bonito, ela via na Isabella a Ana Carolina Oliveira em miniatura e não suportava a coitada da menina.

A madrasta de Joanna (Marcenal que morreu o ano passado no Rio de Janeiro vítima de um pai monstro e de uma madrasta monstra, de uma juíza louca que deu a guarda para o pai pra ficar 90 dias com a filha em menos de 40 a menina morreu vitima de maus tratos) era outra desequilibrada que o pai sabendo q ela não gostava da menina pois li em um blog que ela deu cadeirada no marido pq ele quis fazer uma festa pra menina. Essas mulheres são completamente transtornadas.

Minha irmã já comentou comigo que olhava pra filha do ex marido dela e tinha vontade de matar a menina com requintes de crueldades, ainda bem q essa sobreviveu. 


Agora vamos analisar essa três mulheres, elas são malucas, doidas ou elas não conseguem enxergar q a criança não tem culpa e elas é que estão desequilibradas e frustradas por escolherem homens que não prestam?

Minha opinião:

Primeiro: elas teriam que fazer acompanhamento médico com psiquiatra;

Segundo: elas tem q enxergar que a criança não é culpada de nada, gente do céu, como pode o ser humano chegar nesse ponto de tortura só pq a criança é filha da rival que é ex e que o cara não tem mais nada, no caso da minha irmã foi pq o cara não valia nada, era um tremento baladeiro e ela queria descontar na menina. Ana Jatobá queria descontar na Isabella pq Ana Oliveira era uma mulher realizada e independente e ela não era. A madrasta de Joanna não queria ela em casa e o marido que é um homem vingativo colocou ela lá pq ele não suportou a ideia de ser pai da Joanna queria que a mãe não tivesse a menina e a mãe teve, o padrasto de Joanna quis adotá - la e mostrou para André q ele era um péssimo pai e vingar da mulher que deu cadeirada nele.


EU QUERIA SER MADRASTRA (KKKKK pra melhorar o ambiente)


Eu conheço um homem que teve um filho com uma mulher que deixou o menino com ele, o garoto é fechado, triste e o cara é crente, bonito, um pai exemplar e excelente, cuida do menino sozinho e as vezes me da tanta dó da criança de ter uma mãe que prefere beber, dançar e badalar (acho que é pq eu vivi isso na pele pq minha mãe queria o mesmo) do que ficar com o filho. Tenho tanta pena do menino que tenho vontade de casar com o pai dele pra cuidar dele, colocar no colo e dar muito carinho pois sei q é disso que ele precisa, não vejo ele como pedra no meu sapato, e que vai me dar problema. Ele é pai solteiro e eu sou mãe solteira, nós dois juntos seria lindo (ai Jesus abri meu coração demais hj). Acho o cara interessantíssimo, gosto demais do jeito dele, ele é um homem com H maiúsculo, leva jeito para família já tem 38 anos é 10 anos mais velho que eu. 
Jesus, esse é um partidão SE o Senhor quiser me dar eles de presente (pai e filho) vou Te agradecer o resto da vida.


SÓ MAIS UM DETALHE.

Minha mãe viajava muito com o namorado dela quando eu tinha mais ou menos 13 anos (época essa que precisamos mais ainda dos pais para nos orientarem) em uma dessas viagens fui para a casa da minha vó (uma verdadeira mãe que eu tive, não posso dar exemplos pq estou na fase da TPM e vou chorar se lembrar) mãe do meu pai e fiquei sabendo que meu pai estava morando lá perto com a mulher dele (sim minha madrasta eu já tive) e fui lá visitá - los ela me chamou para morar com eles, no começo era legal a filha dela era super agradável e ficamos amigas, ia e voltava de Santa Luzia pra BH para estudar e no começo era legal ... MAS foi só eu aprontar a primeira (como disse eu tinha por volta de 13 anos era uma fase difícil rsrsrrs) que ela já começou a me humilhar me mandou embora e falou que eu tinha mãe e que eu não fazia mais parte do show dela, voltei a morar com minha mãe com o rabinho entre as pernas rsrsrrs.

Me intriga isso pq as madrastas são tão ruins assim, não me lembro nesse exato momento de uma madrasta boa que a criança goste e ela goste da criança. Claro que sei da Guilhermina Guinle que cuidou do Fiuk (filho do Fábio Jr. ela foi casada com ele na época q o Fiuk tinha 5 anos) de madrugada quando ele tinha crise de asma e agora cuida do Pietro filho do Murilo Benício e levou ele na maternidade para conhecer as filhas gêmeas da mãe dele a Giovanna Antonelli, eles são super civilizados, mais histórias de madrastas normais do nosso dia a dia eu não conheço NENHUMAZINHA.

Guilhermina é o exemplo de mulher que se ama verdadeiramente, que é realizada profissionalmente, que sua felicidade não depende dos homens em questão que a ex não é o fantasma que ronda a sua vida, ela sabe conviver com a ex e tem até amizade com ela.

Se ela fosse crente eu queria ser como ela quando eu crescesse(brincadeirinha)

Olha como eles são civilizados:


Murilo carrega a filha da ex 

Guilhermina na festa do Pietro com a Giovanna e as filhas 

Novo marido de Giovanna e Murilo no fundo
Elas Juntas na festa

Os quatro juntos em outro momento da vida deles

Temos várias fotos deles juntos em diferentes dias e lugares no google. Casais que não dão certo não precisam ser inimigos, acabou o amor mais eles podem ser amigos. 

Gostaria de conhecer um exemplo desses na vida comum do dia a dia.

Vou procurar e se um dia eu achar eu faço um post sobre isso

quarta-feira, 25 de maio de 2011

É de jogar pedra ... kkk / Pregos, parafusos e ponteiras até sonho com isso



Estou no trabalho e o pessoal daqui são todos malucos. Trabalho em uma empresa de móveis escolares, escritório e móveis planejados, neste exato dia estou trabalhando como auxiliar de almoxarifado (tenho várias funções aqui, fui contratada para trabalhar como assistente administrativa / financeira, masss em micro empresa, vamos nos adaptando o que vem pela frente rsrrsrsrrs) e a empresa tem um galpão e o escritório na parte de cima, é cada papo engraçado q daqui de cima dá para ouvir, rimos muito minha colega de trabalho e eu.
Na parte da manhã fico no escritório passando email, fazendo orçamento e afins, um dos meus colegas da parte de baixo pediu para eu descer e pegar parafusos no almoxarifado fui e entreguei pra ele, essa mesma benção pediu para eu ir no depósito ao lado e pegar tinner, ele foi atrás de mim para ver uma fechadura, mandou eu me virar pois não tinha e me chamou de chefe de almoxarifado, pq até computador (computador esse com windows 98, coitado) eu tinha, falou q empresas q ele conhece, anota os produtos na mão e bla, blá, blá, kkkk, quando volto ele está dançando sozinho uma música eu quase fiz xixi na calça de rir, sem falar que ele esta querendo me bater (de mentirinha), pq eu misturei todos os parafusos e coloquei na lata para eu conseguir separá - los. É de rir muito aqui.

Agora a parte das ponteiras e pregos e parafusos;

Ai Senhor nunca vi tanta ponteira na minha frente, já contei mais de 20.000 em 1 semana, e elas não param de aparecer parece que elas brotam de todos os lugares. Agora são os pregos ... ai jesuis ...
È muito bom trabalhar em um ambiente agradável, agradeço a Deus por isso.
Vamos rir dessas maluquices até
Depois conto mais, são tantas histórias ...

terça-feira, 24 de maio de 2011

Fogo - Pr. André Valadão no Sexta Básica

Almoço de domingo


Sempre participei na casa da minha vó de incontáveis almoços de domingo era maravilhoso, ela não cozinhava muito bem mais eu amava a comida dela, eu amava ir na casa dela e comer a mesma comida quase todos os domingos, frango branco com quiabo e angu empelotado (queira Deus q meus tios não leiam esse post), mais a confraternização familiar que tinha era sensacional, ela teve 7 filhos e todos os domingos a maioria estava lá, mais os netos e os vizinhos, era em cidade pequena q vizinhos são extensão da família, infelizmente nada dura pra sempre e hj apenas meu pai mora onde ela morava, ela já foi morar com Deus (eu creio nisso) e meus tios estão todos por aí seguindo suas vidas e nos encontramos as vezes, uns nas casas dos outros.
Domingo passado 23.05.11 aconteceu uma coisa muito engraçada, eu estava com uma vontade de passar o domingo vendo tv, deitada no sofá e coberta com o edredon e a Mimi estava no computador (fazemos revezamento é muito legal, mais domingo deixei ela o dia todo na net, mais não preocupem o sofá é ao lado do pc e é só fazer pescocinho da tartaruga rsrsrr, depois conto do pescocinho da tartaruga, q da para ver o q ela anda fazendo na net), quando eu dei a ideia (sim pode acreditar a ideia foi minha) pra ela de comermos no almoço chips, fomos na padaria, compramos 3 pacotes de chetoos de requeijão, tubo e esse da foto e misturamos no escorredor de macarrão e colocamos em uma vasilhinha cat chup pra acompanhar. Nosso almoço de domingo foi sensacional demos muitas risadas e ficamos o resto da tarde vendo tv e na net, mais depois minha mãe chegou e fez um jantar (chiquerrimo ) legal para nós e fomos felizes para sempre (KKKKKKK).
Queria dizer q acho lindo esses almoços de domingo na casa da sogra, do sogro, dos pais, da um ar de família unida q é maravilhoso.
Quem tem curta cada minuto e cada detalhe pq isso marca a vida das pessoas. 
Família é o coração de Deus e o projeto número 1 de Deus é a família. 

terça-feira, 17 de maio de 2011

TUDO NA VIDA PASSA, ATÉ UVA PASSA ...



Hoje aconteceu uma coisa comigo muito engraçada, analisando o que todos falam que o tempo é o senhor da razão ou algo parecido com isso ... 

Eu trabalho perto e vou almoçar em casa e levar a Mimi para a escola, razão essa que eu aceitei trabalhar nessa empresa ( 7 minutos da escola e 15 minutos de casa a pé é claro), realizar o sonho de poder levar e buscar minha filha na escola, um sonho realizado, obrigado Jesus, massss voltando para o assunto que quero falar hj, depois que deixei ela na escola, estava indo na direção do trabalho quando vi um rapaz da igreja que a muito tempo não o via, coisa de mais de 1 ano, ele mudou de igreja, não vai mais nas festinhas que nossa sub faz e sumiu de vez, me ignora no facebook, no msn, no orkut e se eu tivesse twitter (que particularmente eu não suporto é mais chato q facebook rsrrsrsr) ele me ignoraria tb, fato é que ele atravessou a rua e veio falar comigo, nos comprimentamos (será q é assim q escreve ou é com u rsrsr, professores de plantão me perdoem kkk) e eu como estava atrasadíssima como sempre tive que ir embora logo depois do oi, abraço e tchau, mais eu queria compartilhar q esse rapaz eu o amava tanto e esperava por ele o tempo que fosse preciso, ele tem dificuldade de relacionar com as pessoas (explicando melhor relacionar sentimentalmente com alguém), eu esperei tanto que o tempo passou, vivemos momentos intensos, voltávamos da igreja juntos, íamos no supermercado que tem perto da igreja e ele colocava a Mimi no carrinho e corria com ela nos corredores e ríamos muito das palhaçadas, ele é uma pessoa bem engraçada e as vezes eu voltava com o maxilar doendo de tanto que eu ria dele, ele tem um carinho fora do comum com a Mimi, sentávamos juntos e as pessoas as vezes perguntavam se agente era casado, olhava pra ele e imaginava nós dois casados e queria ter um filho de nariz torto e branquinho igual ele, certa vez ele falou com uma moça da igreja que era meu marido adotivo rsrsrrs, voltávamos das reuniões da sub na casa dos irmãos juntos as vezes, vivemos muitos momentos interessantes, engraçados e felizes juntos é a velha história q se fosse colocar no post não caberia rsrsr, tempos atrás não conseguiria lembrar sem marejar os olhos e hj não, eu estou bem, lembrei disso tudo e não deu o aperto no peito que sempre dava, vi ele hj e só senti carinho por ele. 

Não estou falando que um dia SE for da vontade de Deus e SE partir dele que eu não vá ter um relacionamento com ele, mais se depender de mim o tempo passou os anos que eu esperei valeram a pena pois foram importantes para conhececer uma pessoa espetacular, doce, AMIGA e não me arrependo, conheci ele no segundo dia que eu fui na Sara e lá se vão quase 5 (CINCO) anos, esses momentos todos valeram a pena.  

Agradeço a Deus pela vida dele, vou continuar minha caminhada com Jesus crendo que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus. 



Família Poder visita a irmã ( esta parecendo título de jornal popular sensacionalista - rsrsrrsrsrsrsrsr)

Domingo passado 15/05/2010, a família poder foi na casa da menina do acidente (aqui), ela esta se recuperando muito bem, uma moça de 16 anos muito serelepe, graças te damos Senhor, que nossa família continue assim, a foto esta devidamente editada pois ela ainda esta em recuperação e meus irmãos estão solidários a ela.
Que Deus nos abençõe e nos una cada dia mais.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Pr. Silas Malafaia comenta a decisão sobre a PL 122 - vejam o vídeo

Segredo - não conta pra ninguém tá (rsrrsrsrrs) !!!!

Família da Ana Paula 

Família do Pr. André 

Família Valadão quase completa

Pra Mariana e Pr. Felippe Valadão 

Pr. Márcio na consagração do Tito 
Nos posts abaixo vemos váriaaaasss mensagens do Pr. André Valadão mais o que eu queria dividir com vcs é sobre a família Valadão e o efeito que ela causa na minha vida mesmo pela TV.

Há alguns meses atrás eu estava muito desanimada com minha caminhada com Jesus, não estava com muita vontade de estar presente nos cultos, nas reuniões, etc. E vez ou outra eu pensava em largar tudo, parar e retroceder, enfiar o pé na jaca geral e graças a Deus que na minha casa pega a Rede Super, pois através dela que eu não conseguia ficar sem ver, eu via como Deus estava presente na vida da família Valadão, um dia vendo o programa nos bastidores do DT, vi a Ana Paula reconhecer o marido apenas com um toque dele no cotovelo, vejo como o Felipe trata a Mariana e como eles são um casal lindo e que família linda eles formam agora com o Tito, vejo como o André e a esposa formam uma linda família com o filhote deles, vejo o Pr. Márcio com a Renata (não sei se ela é pastora) e me dá vontade de chorar. Deus usa tremendamente esses casais pra me mostrar o que Ele pode fazer com o povo dEle, mais muitas vezes eu ficava triste achando q Deus me esqueceu, colocava muitas vezes minha vontade na frente e quebrava a cara LÓGICO, e Deus mais uma vez me fazia ver como é o relacionamento emocional entre as pessoas dele.
Observo muitos casais cristãos e casais não cristãos ao longo da minha vida e vejo a nítida diferença do cuidado e valor q homens cristãos tem com suas esposas e os que não são cristãos como as tratam.
Observo tb meus irmãos e vejo que muitos pegam os primeiros q veem na frente só pra não ficar sozinho, ficam noivos e depois enchergam que não amam o suficiente pra casar, oram, namoram, terminam, oram de novo, termina, ... e assim vai, eu sei q a vida sozinho é duro, mais é mais fácil ficar um tempão só do que casar e dormir de calça jeans o resto da vida e levar um casamentos sem amor e ver que fez a escolha errada, meus parentes me empurram pra uma pessoa que tem no meu bairro, ele é crente (fanático, eca), trabalhador e responsável, mora sozinho e trata a Iasmim muito bem, minha mãe, minha irmã e meu primo já falaram dele pra mim, agora se eu fizer como alguns fazem de ter um relacionamento só para não ficar sozinho, vou estar magoando ele pois não vejo ele como homem e sim como irmão em cristo, na bíblia fala q a pessoa tem que ser agradável aos meus olhos e esse irmão não me agrada em nada.
A cabelereira da minha irmã comentou com ela q agora que eu estava em uma igreja q tinha rapazes com uma condição finaceira melhor eu poderia arrumar um cara legal, coitada ela não me conhece nem um pouco, pois não fui pra Sara pra olhar para os meninos, pra arrumar namorado, e muito menos pq lá tem pessoas com dinheiro, jamais vou olhar uma pessoa enchergando a conta bancária dela prefiro um assalariado que eu ame do que um que ganhe muito e só tenha dinheiro e eu viver com ele o resto da vida infeliz.
As pessoas que não conhecem acham que eu e meu líder temos algo além do que líder e discípula, amigo e amiga e irmã e irmão, pois já aconteceu alguns casos q quem vê de fora pode pensar q tem, um exemplo disso foi no niver de 6 anos da Mimi na casa do meu pai em Santa Luzia em 2010 o primeiro pedaço do bolo foi pro meu líder, q ela deu por livre e espontânea vontade, ela ama ele demais tb, a família poder estava lá tb teve uma hora q ele passou a mão no meu cabelo pra arrumar pois minha mão estava molhada e o povo q não conhece ficou olhando isquisito, dias depois a vizinha do meu pai perguntou se ele era meu namorado, o pessoal da nossa sub já acostumou com nosso carinho coisa de irmão com afinidade. Ontem minha mãe ficou com a Mimi para eu ir no culto e ela cisma q eu gosto dele, o culto de domingo é bom ir mais arrumado e ela falou q eu me arrumei pra ele, eu só rio pois não tem nem comentários pra ela, fomos ontem na casa da moça do acidente e voltamos muito tarde, cheguei em casa mais de uma hora da manhã e ela falou q eu tava com ele e etc que nem é bom comentar. Eu conheço ele desde 2002, estudamos na mesma escola 2 anos e andávamos juntos e íamos embora juntos, já contei em uma mini ministração na sub, q eu era muito namoradeira naquela época e tinha muito medo de tentar ficar com ele pois eu não queria peder a amizade dele, depois ele me levou pra essa nossa igreja atual, já vivemos muita coisa juntos cada aventura q dará um post só pra contar as nossas aventuras,  amo demais ele, é meu irmão, meu pai, meu líder e tudo de amor que eu escrever vai ser pouco para definir o tamanho do amor que eu sinto por ele, falo com ele que só não somos trigêmeos (ele tem um irmão gêmeo que amo tb demaisssss, mais tenho menos contato) por falta de sorte, temos muita afinidade, nos damos super bem, rimos até, temos longas conversar sobre relacionamentos, construímos uma amizade que vai além da amizade, somos irmão de coração, mais não o vejo como homem, as vezes até esqueço q ele é homem e a minha mãe não entende isso, a cabeça dela é cheia de maldade e ela fica imaginando histórias.

Então, concluindo ... Só oro e peço a Deus para Ele mandar alguém que vá se encaixar direitinho comigo, que agrade aos  meus olhos e que veja na mesma direção que eu. Peço a Deus paciência pra esperar o tempo que for preciso, pois sei que família é o coração de Deus e os sonhos de Deus jamais serão frustrados.

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Milagre - Musica de André Valadão

A música do meu casamento (quando eu casar)

Histórias - Pr. André Valadão no Sexta Básica

Vencendo a morte - Pr. André Valadão no Sexta Básica

Revisão - Pr. André Valadão no Sexta Básica

Natureza Carnal - Pr. André Valadão no Sexta Básica

Jesus, o único remédio - Pr. André Valadão no Sexta Básica


Você é aquilo que você come - Pr. André Valadão no Sexta Básica

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Momento Histórico


Hoje é um dia muito esperado, daqueles dias que agente conta os minutos e quantos faltam para chegar. Hoje é o aniversário de 60 anos da minha mãe, nem parace,  pois ela sempre se comporta como uma adolescente kkk, mais queria deixar registrado esse dia pois tem mais ou menos 1 anos e meio que estamos na contagem regressiva para ela fazer 60 antes dela fazer 59 já contávamos quanto tempo faltava pra 60.

Queria agradecer a Deus por ter chegado este momento, ela estar com saúde e vitalidade.

Que venha mais 60 anos por aí - kkkk

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Senhor Jesus cure as feridas abertas ... e tire da minha cabeça as imagens ...

Nem sei como começar este post.

Sábado depois do Arena(culto de jovens da minha igreja) ferver e todos irem pra porta da igreja ou ir embora, eu estava no ponto do ônibus e vi um movimentação no sinal de trânsito e a Iasmim queria ir lá ver, depois de tanta insistência (sim ela me vence pelo cansaço) fomos lá ver o q estava acontecendo, mais sabia q boa coisa não era pois a igreja fica em uma avenida muito movimentada aqui em BH a Cristiano Machado, o fato é q além de ser um atropelamento a menina é da igreja e da nossa sub (a igreja é separada ou unida por grupos que chamamos de equipe e sub equipe), foi uma cena lamentável, nunca na minha vida queria ter visto aquilo (a Iasmim não viu, ela ficou olhando pra outro lado, orando e pedindo a Deus pela menina, foi a única q lembrou de orar naquele momento as pessoas em volta estavam desesperados pra que a ambulância chegasse logo demorou quase meia hora, sabia decisão ela teve de não olhar, pois não falei nada pra ela, ela q não quis mesmo, sabia decisão de uma mocinha de 7 anos). 

Graças a Deus ela escapou com vida, pois foi feio o corte na testa (vou poupar quem lê dos detalhes), meu líder é líder direto dela, foi na ambulância com ela para o hospital q orgulho q eu tenho dele, um homem de Deus e responsável com suas ovelhas um verdadeiro pastor, ele ficou no hospital com ela até as 6 da manhã do domingo, ela esta se recuperando no hospital e eu estou tentando esquecer as cenas.

Jesus como somos frágeis, como somos dependentes do Senhor, como q em uma hora estamos bem e na outra estamos estirados no chão e sem noção do q esta acontecendo, ela graças a Deus é uma pessoa do Sr. e se ela não fosse e chegasse a hora dela partir ... nem quero imaginar onde ela estaria. Jesus coloca seu amor no coração das pessoas e q as pessoas possam ver q o Sr, é o único caminho para quando chegar a hora elas irem pra perto do Sr. 

Jesus dê a ela uma melhora rápida e q ela venha pular no Arena com agente logo logo (quem vê até parece q sou uma cabritinha gospel rsrsr)

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Pr. Silas Malafaia fala sobre Igrejas e seus mandamentos


É Como eu digo o que importa é onde esta seu coração. Se seu coração esta em Jesus não importa se vc usa a roupa x ou y se vc passa ou não batom, etc, etc, etc .....

VEJA O VÍDEO E TENHA OUTRA VISÃO SOBRE A IGREJA

É POR ISSO QUE DIGO

AMO A SARA NOSSA TERRA E LÁ É MINHA SEGUNDA CASA SE NÃO FOR A PRIMEIRA RSRSR (esqueci o video é sério para de brincar Jacqueline)

terça-feira, 3 de maio de 2011

Mulher x Persitência = Resultado inesperado


Primeiro quero deixar bem claro para os fãs xiitas de Crepúsculo que já li os livros + de 4 vezes e vi os filmes + de 7 vezes, não sou fã + gosto da história de amor de Bella e Edward.
Então já tenho conhecimento, não é resenha e nem vou aprofundar e contar os livros, vou falar da mulher Bella e sua persitência.

Sei que isso é ficção, não existe esse tipo de coisa na vida real e queria deixar claro para ilustrar a que ponto a mulher pode chegar quando quer uma coisa, põe na cabeça e não tira.

Bella conheceu Edward na escola e se conheceram profundamente, passavam os dias e as noites se conhecendo, ele (nos livros) queria saber de detalhes da vida dela antes, queria saber sobre cor preferida, se teve bicho de estimação, coisas básicas da vida dela, ela fez uma pergunta se os vampiros faziam sexo como os humanos e se algum dia eles poderiam fazer, ele respondeu pra ela que era muito perigoso.
Então Bella passou a perseguir Edward querendo fazer amor com ele e ele sempre desviando a atenção dela.

Depois de 3 livros tentando, insistindo e persistindo, mesmo sendo contra casamento ela casou - se com ele no 4 º livro, vieram para o Brasil passar a lua de mel (isso pq eu falei q nao ia contar a história, imagina se eu falasse q ia contar rsrrsr estaríamos perdidos mais de 10.000 pgs no blog kkkk)e tiveram a tão sonhada noite de amor.


                                                                                   
                                    RESULTADO DA PERSITÊNCIA:


Ficou grávida de um ser mais forte que ela (o feto era meio humano e meio vampiro), a gravidez durou 1 mês, tomou sangue para sobreviver pois o feto estava ''chupando'' ela por dentro, ficou com 4 costelas quebradas, quebrou a pelvis e a coluna, o marido coitado ficou tão triste e desolado que quem lê a história fica até com pena, na hora do parto fez cesária sem anestesia, tiveram que arrancar com os dentes a placenta, pois a pele do vampiro só outro vampiro pode dilacerá - la (credoooo), perdeu muito sangue e só não morreu pq Edward e Jacob fizeram massagem cardiáca nela e Edward injetou o veneno direto no coração dela, nem ser mordida ela conseguiu ser.

Mais conseguiu o resultado de sua persistência, fazer amor com o amado e ser vampira, mais a consequência disso tudo foi monstruosa.

Agora se ela fosse normal e namorasse com uma garoto normal (Mike) não teria história e a Estefanie não venderia muitos livros e não ficaria rica.

Isso foi só um EXEMPLO fictício de como uma mulher pode ser persitente a ponto de acabar com a própria vida para alcançar seus objetivos.

Persistência é fundamental para alcançar os objetivos, mais ser persistente a ponto de colocar a vida em risco aí já é loucura.

Não seja louca, mais tenha persitência para alcançar seus objetivos.